Notícias Diversas — 02 agosto 2011

Rio de janeiro, 19 de julho de 2011.

A

Associação dos Oficiais Militares Estaduais do Brasil – AMEBRASIL

AT: Exmo. Sr. Abelmídio de Sá Ribas – Cel PMPR

       Presidente da AMEBRASIL

Ref.: Ofício Especial/2011.

Prezado Senhor,

GLOBO COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÕES S.A., empresa inscrita no CNPJ/MF sob o nº 27.865.757/0001-02, com sede na Rua Lopes Quintas nº 303, Jardim Botânico, Rio de Janeiro, vem, respeitosamente, em atenção ao ofício em referência, expor o que se segue:

A TV Globo recebeu ofício encaminhado por essa Associação, apontando a veiculação de conteúdo supostamente ofensivo aos seus integrantes, no capítulo da novela “Insensato Coração” levado ao ar no dia 29 de junho de 2011.

Entendemos sua legítima preocupação quanto à fala do fictício delegado, entendida como preconceituosa contra os Oficiais Militares, ainda mais em se tratando de instituição da mais alta importância para a sociedade. Respeitamos o inequívoco trabalho dos órgãos de segurança pública e, por esse motivo, temos colaborado em diferentes iniciativas relacionadas ao tema, bem como realizado ações para a sua promoção e valorização.

Sendo assim, espero que compreenda não ter havido qualquer intenção neste sentido da equipe de criação da TV Globo. Se, de toda forma a percepção foi esta, tenha certeza que tal fato será levado ao conhecimento dos autores, de modo que possam estar ainda mais atentos ao entendimento da trama pelo telespectador – algo essencial para a noção de qualidade que caracteriza a produção de teledramaturgia desta emissora.

Por último, cumpre destacar um ponto de extrema relevância: a telenovela é uma obra autoral de ficção. A história, resultado unicamente da imaginação do autor, está no terreno da fantasia sem vínculo  necessário com a realidade. As tramas, situações e personagens (como o mau-caráter que acusa genericamente uma instituição pública) são meras invenções, assim  compreendidas pelo público, que busca apenas entretenimento – seja na TV, no cinema, no teatro ou na literatura. E são exatamente a liberdade de expressão e criação artística, valores fundamentais assegurados pela Constituição Federal, que permitem ao autor contar uma boa história.

Certos de termos prestados os esclarecimentos devidos e contando com a prestigiosa atenção de V. Sas, renovamos nossos protestos de estima e consideração e subscrevemo-nos.

Atenciosamente,

                               GLOBO COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÕES S/A

                                               Daniela Pimentel Faria de Costa

                                                               134547 OAB/RJ

Share

About Author

amebrasil

(0) Readers Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *